segunda-feira, 11 de julho de 2016

Biblioteca da Marquesa - Fangirl

Se na primeira publicação desta rubrica vos falei de um clássico (Mataram a Cotovia), desta vez trago um livro de 2015 do género Young Adult.
 O ano passado Rainbow Rowell andou em altas no Goodreads como a nova promessa e descoberta na literatura de romances para adolescentes. Teve uma crítica muito positiva com "Eleanor & Park" e desde aí tem feito novos lançamentos.
 Quando soube que tinha lançado um livro sobre fanfiction, fiquei muito curiosa. Nunca escrevi nenhuma destas histórias em que se usam personagens já conhecidas noutras perspectivas, mas acompanhava alguns "fandoms" no Tumblr e sempre foi algo que me fascinou. Imaginar casais que não o eram na história original (non canon) ou imaginar cenas extra de personagens de quem não me cansava eram alguns dos meus textos favoritos.
 O "Fangirl" foi-me oferecido pelo meu namorado e uma leitura muito prazerosa. Tem uma escrita fácil de nos levar a percorrer as páginas sem dar conta, personagens com que nos conseguimos identificar e um enredo interessante.
 A personagem principal é Cath Avery, uma rapariga que adora escrever fanfiction sobre a sua série de livros favorita, que vai para a Universidade. É um grande marco porque pela primeira vez na vida não vai partilhar o quarto com a irmã gémea, vai estar longe do pai que as tem educado sozinho e vai deixar de ter a privacidade que tinha para escrever a sua fanfiction que tem milhares de seguidores. Por outro lado também vai ter que conhecer pessoas novas, o que é um grande senão para a Cath que adora estar sozinha no seu mundo.
 Não quero contar muito mais, mas devo dizer que gostei imenso da Cath, foi daquelas personagens que me manteve sempre do lado dela, embora pudesse discordar de uma ou outra decisão, porque a compreendia. Gostei de como havia muito por detrás da história do pai e das irmãs, de como nos faz pensar como é possível 3 pessoas reagirem de maneiras tão diferentes a uma situação traumatizante nas suas vidas.
 E gostei do próprio universo do Simon Snow, o livro criado dentro deste livro de quem as irmãs Avery eram fãs. Desejei mesmo que existisse esta série na vida real!
 O ponto que me desiludiu mais foi mesmo o final. Achei-o muito brusco e que poderia ter existido ali mais desenvolvimento de alguns pontos.
 Não é uma obra-prima, mas o que interessa é que cumpriu o seu objectivo de romance juvenil: fazer-nos sonhar com um amor tão querido e puro assim.


Já leram algo da autora? Ficaram curiosos?


Tenham uma óptima semana!

Com amor,
A Marquesa

3 comentários:

TheNotSoGirlyGirl disse...

Parece interessante apesae de nunca ter lido algo do género ;)
Beijinho

The-not-so-girlygirl.blogspot.com

Marli Neves disse...

Tenho a dizer que a capa é chamativa, gostei. Pela tua review não me parece o meu género de livro, mas de vez em quando um livro de leitura mais simples também faz bem!
Vou-te seguir pelo Goodreads.

Marli, do My Own Anatomy ♥

Diogo Figueiredo disse...

Damn such apaixonada :)

Your master;
<3