sábado, 5 de maio de 2018

Animais da Blogosfera - Belka

A convidada para a rúbrica "Animais da Blogosfera" do mês de Maio, o meu preferido do ano, é também ela a autora de um dos meus blogs preferidos: o Bobby Pins. A Inês é licenciada em Ciências da Nutrição, apaixonada pelo Espaço e tem uma das contas de Instagram mais bonita e delicada que sigo. Hoje vamos falar da sua melhor amiga de quatro patas e focinho sardento: a Belka .



Olá Inês e obrigada por teres aceitado este convite. 
A tua primeira cadela, a Laika, era uma linda cadela Serra da Estrela e agora a Belka está a tornar-se numa Rafeira Alentejana grande e bonita. Têm um fraquinho por cães grandes e de raça portuguesa aí em casa?
Sim, de facto! Eu confesso que a questão da raça, para mim, nunca foi algo determinante para ter um cão, de todo, mas admito que tenho um fraquinho por cães grandes. Quanto mais gigantes, mais fofos! Ao contrário da maioria, cães de grande porte não me intimidam! A escolha de raças portuguesas é um desejo que nós cedemos ao meu pai.


Quais as maiores diferenças de personalidade entre a Laika e a Belka?
Dá para responder tudo? Ahahah, uma é água outra é azeite! Quando trouxemos a Belka para casa, sentimo-nos mais experientes para ter um cão (afinal de contas, já tínhamos passado pela aventura), mas viemos a descobrir que era uma folha em branco e que tínhamos de começar tudo de novo. São raças diferentes, personalidades diferentes... A Laika era mais desconfiada, protectora e independente, a Belka é mais apegada e carente (mas ainda é cachorra, embora o tamanho engane, portanto, há muitos traços da sua personalidade que ainda estão por florir).

O nome Belka é invulgar, pelo menos no panorama português. As pessoas ficam curiosas sobre a origem do nome?
Sempre! Raramente compreendem o nome à primeira (julgam que a chamámos de 'Belga') e, ao contrário de Laika, não é um nome tão popular, portanto, recebemos sempre perguntas do que significa. É curioso que a história da dupla Belka e Strelka chegou a ser tão popular quanto a história da Laika (e igualmente marcante), mas por algum motivo, caíram no esquecimento e só sobrou a Laika para registar e homenagear os acontecimentos espaciais. Ainda não conhecemos ninguém que compreendesse imediatamente a referência Belka, mas depois acham o máximo e muito original!


Contaste-nos, numa das tuas publicações, que a Belka te vê como um refúgio para os seus medos. De que tem medo a tua patuda?
O som de fogo-de-artifício, sons muito específicos e pontuais, certos animais, chapéus... Também não compreendemos porquê, são coisas que vamos descobrindo ao longo da convivência com ela ahahahah!

Quais as atividades que mais gostam de fazer juntas?
Ela gosta muito de brincar à apanhada comigo; dispara de um lado para o outro e passa sempre muito perto de mim para me provocar para que eu corra atrás dela para a apanhar! Também gosta de brincar ao busca, embora nunca a tenhamos treinado, é algo inato. Nós atiramos uma bola e ela devolve. E adora os seus brinquedos, portanto, qualquer brincadeira que os envolva, já sei que ela vai estar feliz!



Apesar de ainda só agora terem começado as vossas aventuras juntas, a Belka já te proporcionou algumas lições para a vida?
Já sim — e quero partilhá-las com mais detalhe, no Bobby Pins —, mas todos os dias eu aprendo algo novo. Ela ensina-me que temos sempre espaço no nosso coração para amar mais uma vez, que não há maior acto de coragem do que apresentarmos as nossas vulnerabilidades junto das pessoas que estimamos, e que nunca estarei sozinha, enquanto ela estiver pertinho de mim para se sentar ao meu colo — não importa o tamanho que tenha —. Ela ensina-me muito mais do que eu a ela, e sou grata por isso!
Nota: entretanto a Inês partilhou aqui 10 lições que aprendeu com a sua patuda.


Agradeço mais uma vez à Inês por disponibilizar o seu tempo e fotografias, para que esta entrevista fosse possível. Se quiserem conhecer melhor esta dupla, acompanhem o blog e a conta de Instagram da Inês, que a querida Belka é uma presença regular.


Tenham um óptimo fim-de-semana!

Com amor,
Catarina

4 comentários:

  1. Temporada potente. Estás a fazer render a season 1!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, tenho tido imensa sorte com os convidados :)
      Beijinhos!

      Eliminar
  2. Adoro a Inês e a sua Belka. O amor dela pelos animais inspira-me! A Belka não podia ter melhor dona :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Assino por baixo Cláudia :)
      Beijinhos (e uma festinha ao Floki)!

      Eliminar

Querido marquês ou marquesa, sente-te à vontade para "opinar" :)