domingo, 13 de outubro de 2013

Irmãos mais novos

 Ainda não me consegui habituar à ideia de que o meu irmão mais novo sai à noite.
 Ele é apenas 3 anos mais novo que eu (tem 17) e os meus pais já o deixam ficar, indo buscá-lo e tudo, até às 3h da manhã.
 Não que ele seja um rapaz que saia à noite muita vez. Se calhar são umas 2 ou 3 vezes por ano.
 A minha admiração vem de que quando eu tinha a idade dele, muitas vezes o meu limite era a 1h da manhã ou pouco mais. Se quisesse ter uma noite mais longa combinava com uma amiga e dormia em casa dela. Até porque vivemos a 20 minutos de carro da cidade onde (vivem e) me encontro com os meus amigos.
 Ora, o meu irmão é, nesta e outras situações, um privilegiado por ser filho mais novo. Já para não falar de que ele é um daqueles gamers que preferem estar sempre em casa para jogar e a minha mãe fica sempre contente e entusiasmada por ele sair de casa.
 Os meus pais já não são inexperientes como quando foi a minha vez, por isso sentem-se mais à vontade para lhe dar a liberdade que a mim custou ganhar.
 Podia estar aqui a enumerar 100 grandes vantagens de ser o irmão mais novo, como quando éramos pequenos fazermos tropelias e apenas eu ficar com as culpas.. Ou ter mais cedo acesso à linguagem de grandes em casa porque os meus pais a mim faziam "baby talk" quando era piquinininha e isso o ajudar a desenvolver o vocabulário e a mente mais cedo.
 Mas sei que também deve ser difícil corresponder às expectativas criadas pela irmã mais velha, embora nas notas ele até me ganhe em algumas coisas...
Enfim, acho que o que realmente me levou a escrever o post é que ainda não me habituei ao crescimento do meu brô. Que chega tarde mas chega! (isto em termos de maturidade)


Uma boa semana!
A Marquesa

1 comentário:

Anónimo disse...

Uma vantagem over him is that we're dating! So he will never have the best girlfriend in the world cause she already taken!

Your master <3