quinta-feira, 23 de julho de 2015

Desmitificando os tampões

 Já tinha falado da Youzz aqui, e esta semana que passou chegou o meu primeiro kit de campanha para a qual fui seleccionada cheio de amostras e descontos para mim e as minhas amigas.
 Tive a sorte de ser um produto que já uso e adoro: tampões o.b.
 Achei engraçado o guia da campanha nos tirar dúvidas e desmitificar alguns mitos sobre tampões (alguns dos quais eu ainda acreditava na adolescência...):

1. O tampão bloqueia o fluido menstrual.
Mentirinha, aquilo funciona como uma esponja e absorve o líquido sem o bloquear, não havendo nenhum perigo para a saúde.

2. Sempre que vou à casa de banho tenho de trocar o tampão.
Como as aulas de biologia me ensinaram, a uretra (por onde sai a urina) é independente da vagina, portanto não há contaminação do tampão quando vamos ao wc.

3. Não se deve usar um tampão durante a noite.
Na verdade até são melhores no sentido em nos podermos mexer à vontade no sono, mas devemos ter o cuidado de o colocar mesmo antes de nos deitarmos e retirá-lo assim que nos levantamos.

4. O tampão pode perder-se dentro do corpo.
O nosso colo do útero é do tamanho da cabeça de um alfinete, portanto mesmo que o cordão do tampão fique no interior, permanece na vagina. Normalmente, assim que ficar cheio de fluido ele próprio desliza para fora se se sentarem na sanita e fizerem força.

5. Perde-se a virgindade com o tampão.
Alguém virgem é quem nunca teve relações sexuais. Mas se estiverem mesmo preocupadas com o vosso hímen, ele torna-se flexível durante a menstruação, por isso é difícil danificá-lo com um tampão.

Não, não é um post comparticipado pela o.b. É informação que eu gostaria de ter lido no início da puberdade e com sorte até ajudo alguma menina.


Espero que estejam a ter uma óptima semana!

Com amor,
A Marquesa

5 comentários:

  1. É sempre bom este tipo de dicas, para quem tem estas dúvidas :)

    ResponderEliminar
  2. Eu também uso e recomendo! É um pequeno paraíso no meio de um desastre ahahahahha
    Beijinhos

    ResponderEliminar

Querido marquês ou marquesa, sente-te à vontade para "opinar" :)