quarta-feira, 8 de julho de 2015

Elíptica Challenge

 Quando as frequências começaram a apertar, deixei um pouco de lado o exercício físico.
 Não sei se foi dessa maior pausa, mas deixei de ter tanta motivação para continuar com o PopPilates.  Gosto dos exercícios, sinto que estou a trabalhar, mas... até me pôr ali pronta no meu tapete de yoga cor de rosa, vestida a rigor e a pôr o play no vídeo é um martírio. Ou me distraio com outras coisas, ou me dá a preguiça de ir desenrolar o tapete, ou está frio para ir mudar de roupa, etc.

 Aliado a essa desmotivação, comecei a sentir que o meu ponto fraco neste momento é a resistência.
 A corrida está na moda e a ideia de ir correr com uma app daquelas giras em que me vejo a evoluir era tentadora. Mas para além de já ter experimentado correr e não ter gostado lá muito, também tenho um joelho esquerdo que me costuma dar problemas.
 Lembrei-me da máquina elíptica que temos na arrecadação.
 A parte digital com cronómetro, os km percorridos e as calorias gastas foi à vida. Mas a parte mecânica em que se escolhe a resistência e se dá às pernas continua intacta.
 E é só equipar-me e pôr-me a "andar".
 Nos fim de semanas em que vim a casa fui andando na elíptica, sempre a aumentar o tempo.
 Comecei vergonhosamente a fazer apenas 3 minutos na resistência 3 (sendo a 1 a mais fácil e a 9 a mais puxada). Mas tenho sempre aumentado 1 minuto de cada vez e tentado aos poucos aumentar para a resistência 4.
 O próximo objetivo são os 20 minutos e depois a mega meia-hora!

Fica aqui a tabela ultra-fashion com o meu plano que fiz no word:

O melhor disto? Posso colocar o meu portátil de maneira a estar entretida a ver um episódio de uma série enquanto estou na elíptica.
 Para mim, o tempo passa muito mais rápido assim do apenas ouvindo música.
 Até aos 23 minutos vou estar a ver Friends. E depois talvez me ponha a ver finalmente Orange Is The New Black para quando ultrapassar esse tempo.


E agora com licença que vou só ali suar num instantinho!


Com amor,
A Marquesa

6 comentários:

P' disse...

Adoro desafios do género, parece que se torna mais fácil manter-nos objectivas. Como temos aquela coisa de querer alcançar o fim pronto :p eu também costumo ver séries enquanto treino, então quando estou a fazer bicicleta até me esqueço do tempo a que estou a pedalar ahah

Diogo Figueiredo disse...

So cool honey bunny :)

Your master;
<3

Lani disse...

Fazes muito bem! Também quero ver se aproveito as férias para fazer mais exercício :) *

Mafalda disse...

Desafios são sempre bons porque apesar de tudo fazem com que não desistamos!
Ah preciso de seguir o teu exemplo e começar a fazer exercício novamente!

Adelisa M. disse...

R: Sim claro, para quem pode e no caso da tua mãe que percebo a situação dela, também sou um pouco assim.

Mafalda disse...

R: Nem sei expressar o quanto o teu comentário me reconfortou! Andava preocupada a pensar que talvez a culpa fosse mesmo minha de não ter jeito e a pensar que era a única mas o facto de não ser dá-me vontade de me esforçar ao máximo para melhorar! Muito muito muito obrigada!!