sexta-feira, 24 de junho de 2016

Finding Dory

Sou uma miúda livre, estou de férias (até prova em contrário)!
Fiz hoje a minha última frequência, já fiz uma mini-sesta, almocei e a seguir ala para o cabeleireiro pôr-me bonita para o Baile de Finalistas!

Assim que soubémos do "Finding Dory", eu e o meu namorado combinámos ver o filme juntos.
 O plano inicial era ser hoje a seguir à minha frequência, mas os horários iriam ser apertados para eu ir ao cabeleireiro e tudo mais. 
Arrisquei-me então em ir ao cinema na véspera de uma frequência. Posso dizer que valeu a pena, não só devido ao filme, mas também por a frequência me ter corrido bem à mesma.
Falando então do filme, está mesmo muito bom.
 Não tão bom como o "À Procura de Nemo", que foi original e uma concentração de muitos bons momentos e personagens, mas não ficou quase nada atrás.
 Este filme é mais focado na Dory, mostrando os "Porquês" de muita coisa, como o facto de saber falar baleiês, por exemplo.
 É um filme que vai melhorando aos poucos, com algumas novas personagens muito engraçadas (outras um bocadinho menos), momentos fofinhos, momentos de rir à gargalhada e outros tristinhos. Nada a que a Disney não nos tenha habituado desde miúdos, pois não?
 Aconselho a todos os velhos amigos desta peixe simpática com perda de memória a curto prazo!
 Já agora, o mini-filme que antecede sempre os filmes da Pixar é estupidamente fofo. Houve lá uma rapariga de 23 anos que chorou e tudo logo naqueles 5 minutos, o namorado dela fartou-se de gozar...

Piper, a estrela da curta-metragem

Desejo-vos um óptimo fim de semana!

Com amor,
A Marquesa

1 comentário:

Diogo Figueiredo disse...

Foi bué fixe, ganda filme :D

Your master;
<3